Skip to content
Hemp Vegan Brasil

Descubra a magia dos terpenos, cogumelos, extratos de frutas e mais em produtos como bálsamo labial, serum facial e máscara capilar.

Produtos com Terpenos e Canabimiméticos

Descanse, relaxe, refresque-se e volte à sua vida.

Os terpenos não são exclusividade da cannabis. Essas moléculas também presentes nas outras plantas desempenham funções naturais, incluindo propriedades anti-inflamatórias, antioxidantes e antifúngicas.

Quais terpenos utilizamos?

Terpeno Limoneno

Esse terpeno da cannabis está presente em muitas strains/cepas, como Banana OG, Mint Haze, Berry White e entre outras. Além da cannabis, ele também é encontrado em frutas cítricas e em vegetais como o salsão. Dentre as propriedades observadas estão: auxilia em processos de cicatrização e inflamação, ajuda a aliviar o estresse, ansiedade e espasmos também. Sua molécula apresenta mecanismos considerados anticancerígenos, antitumorais e anticonvulsivantes.

Terpeno Limoneno
Terpeno Cariofileno

Quais terpenos utilizamos?

Terpeno Cariofileno

Um dos mais abundantes da cannabis, esse terpeno é observado em todas as cepas. Além disso, ele também é observado em outras plantas como o cravo, o alecrim, a pimenta preta e a lavanda. É responsável pelas notas amadeiradas e apimentadas dessas plantas. Do ponto de vista terapêutico, esse terpeno tem efeito anticonvulsivo, anti-inflamatório e apresenta grande potencial terapêutico para dores crônicas, neurodegenerativas e doenças que afetam o metabolismo.

Quais terpenos utilizamos?

Terpeno Linalol

Considerado um terpeno relaxante, essa substância é encontrada em todas as espécies da cannabis, porém em pequenas quantidades. Cepas como Amnezia Haze, Lavender e Skittles apresentam concentrações maiores do terpenóide. O terpenóide Linalool possui propriedades antibactericidas, sedativas, anti-convulsivantes, anti-depressivas, anti-oxidantes e neuroprotetoras.

Terpeno Linalol
Terpeno Alfa-Pineno e Beta-Pineno

Quais terpenos utilizamos?

Terpeno Alfa-Pineno e Beta-Pineno

O terpeno Pineno tem duas versões, o alfa e o beta. São moléculas espelhadas, quase idênticas. A maior diferença é que o alfa-pineno é mais abundante nas plantas de cannabis. As cepas Jack Herer, Blue Dream, Strawberry cough, OG Kush são as que apresentam maior concentração dessa substância. O pineno é o terpenóide mais abundante da natureza e também um dos mais estudados. Os terpenos Alfa-Pineno e Beta-Pineno possuem propriedades antimicrobianas, anti cancerígenas e anti-inflamatórias. Além disso, eles são benéficos para tratar a ansiedade.

Como os terpenos afetam o corpo humano

Myrcene (ervas)

Myrcene (ervas)

Também encontrado no lúpulo, manga e no lemongrass que é extraído da gramínea tropical do gênero Cymbopogon.

Pineno (pinheiro)

Pineno (pinheiro)

Encontrado nas sementes do pinheiro, alecrim, manjericão e na erva aneto.

Cariofileno (apimentado)

Cariofileno (apimentado)

Encontrado na pimenta do reino, cravo e canela.

Limoneno (cítrico)

Limoneno (cítrico)

Também encontrado nas cascas das frutas, alecrim, zimbro e hortelã-pimenta.

Terpinolene (frutado)

Terpinolene (frutado)

Encontrado na nóz-moscada, no tea tree, cominho e na planta syringa.

O que são Canabimiméticos?

Os compostos canabimiméticos são compostos químicos que imitam os fitocanabinóides da cannabis pela sua capacidade de afetar receptores e enzimas do sistema endocanabinóide, mas não são derivados da cannabis. Existem alguns exemplos documentados de outras plantas não-canábis que contêm constituintes que podem atuar em certos aspectos do sistema endocanabinoide. Isto elucida o quão complexo é realmente o sistema endocanabinóide e poderia potencialmente fornecer uma alternativa aos produtos derivados da cannabis se certos consumidores quiserem evitar compostos específicos. Por exemplo, o canabinoide original canabigerol (CBG) foi encontrado em pequenas quantidades em Helichrysum umbraculigerum . A hepática musgo ( Radula marginata ) contém um constituinte chamado “ácido perrottetinênico”, que é estruturalmente semelhante ao THC e pode se ligar ao mesmo receptor canabinóide no corpo que o THC. Um outro composto canabimimético bem conhecido é o beta-cariofileno, um sesquiterpeno encontrado na cannabis e outras plantas aromáticas. O beta-cariofileno tem afinidade e se liga ao receptor CB2 no corpo, o que ajuda a fornecer outra via de efeitos antiinflamatórios. A investigação ainda está nas fases iniciais deste trabalho, mas resta saber que a cannabis não é a única planta que gera compostos que podem afectar o sistema endocanabinoide.

Perguntas Frequentes

Aguarde o lançamento desta seção do nosso site em 24 de novembro, às 00:00.

A Green Friday está chegando!

Uma data que marcará a história da Cannabis no Brasil.


Até a Monalisa está de olho nas notificações; você vai ficar de fora?
green-friday-hempvegan.001

Tratamento natural personalizado em apenas algumas etapas

Conte-nos um pouco sobre você e o tratamento que procura.